Verão

Calorão dá trégua, mas praias continuam lotadas no Rio

Neste sábado (3), a temperatura máxima foi 35ºC, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet)

Da Agência Brasil
Da Agência Brasil
Publicado em 03/01/2015 às 19:30
Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil
Neste sábado (3), a temperatura máxima foi 35ºC, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) - FOTO: Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil
Leitura:

Os cariocas e turistas que estão na cidade no feriadão de Ano-Novo tiveram mais um dia perfeito para a praia. O forte calor deu uma trégua em relação aos últimos dias, quando a temperatura passou dos 40 graus Celsius (ºC), e as águas cristalinas atraíram milhares de pessoas para as areias de Copacabana e Ipanema, as duas praias mais procuradas da zona sul.

Neste sábado (3), a temperatura máxima foi 35ºC, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O dia permaneceu ensolarado, só nublando a partir do meio da tarde. Para este domingo (4), porém, o Inmet prevê mais nuvens e a possibilidade de pancadas de chuvas e trovoadas isoladas.

Nem mesmo os preços altos de alguns produtos foram impedimento para os banhistas, pois os valores variavam muito, de um ponto para outro. Enquanto no Posto 9, bem no meio de Ipanema, o aluguel de um guarda-sol padrão chegava a R$ 15, no Arpoador, na ponta da praia, frequentada por pessoas vindas de bairros mais humildes, o valor caía para R$ 7. A cadeira de praia, no Posto 9, saía a R$ 7 e, no Arpoador, a R$ 5, onde também era possível matar a fome com uma promoção de cachorro quente mais guaraná em copo por R$ 5.

O esquema de policiamento estava bastante reforçado, principalmente no Arpoador, onde foram registrados alguns arrastões nas últimas semanas. Neste sábado, havia homens da Polícia Militar espalhados pelo calçadão, na areia e até na Pedra do Arpoador. Além disso, guardas municipais davam apoio, para coibir irregularidades.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias