ACIDENTE AÉREO

Temer diz que Teori era um homem de bem e decreta luto oficial de três dias

Ladeado pelos ministros José Serra (Relações Exteriores) e Alexandre de Moraes (Justiça), Temer referiu-se ao acidente como um 'doloroso acontecimento'

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Publicado em 19/01/2017 às 20:50
Foto: Agência Brasil
Ladeado pelos ministros José Serra (Relações Exteriores) e Alexandre de Moraes (Justiça), Temer referiu-se ao acidente como um 'doloroso acontecimento' - FOTO: Foto: Agência Brasil
Leitura:

Em rápido pronunciamento no Palácio do Planalto, o presidente Michel Temer confirmou nesta quinta-feira, 19, o falecimento do ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal. Ladeado pelos ministros José Serra (Relações Exteriores) e Alexandre de Moraes (Justiça), Temer referiu-se ao acidente com o avião que transportava Teori como um "doloroso acontecimento". A aeronave caiu hoje à tarde no mar de Paraty, litoral sul do Rio de Janeiro.

"Recebemos com profundo pesar a notícia do falecimento do ministro Teori Zavascki. Neste momento de luto, manifesto aos familiares do ministro e demais ocupantes do voo meus sentimentos de pesar e associo-me a todos os brasileiros ao lamentar a perda de um homem público exemplar", declarou Temer. Ressaltou ainda que ações de Teori "a favor do direito e da Justiça" sempre distinguiram o ministro. "Teori Zavascki era homem de bem", afirmou Temer, antes de decretar luto oficial de três dias como "uma modesta homenagem" ao magistrado.

Acidente

O relator da Lava Jato, ministro do STF Teori Zavascki, estava no avião que caiu no mar perto da cidade de Paraty, no Rio de Janeiro, na tarde desta quinta-feira. O Corpo de Bombeiros confirmou a morte do magistrado.

Ele era um dos passageiros do avião bimotor que caiu no mar perto da cidade de Paraty, no Rio de Janeiro, na tarde desta quinta-feira (19). A aeronave de pequeno porte partiu do Campo de Marte, em São Paulo, às 13h01, com destino à cidade fluminense. Além do ministro, mais três pessoas estavam no avião, que também faleceram.  Os corpos das vítimas ficaram presos às ferragens da aeronave, que ficou quase inteiramente submersa, com cerca de 80% de sua estrutura debaixo do mar. 

Últimas notícias