PEDIDO NEGADO

Ministro do STJ nega pedido habeas corpus para João de Deus

O ministro também afastou o segredo de Justiça do processo afirmando que o instituo não serve à proteção do autor de supostos crimes

Kevin Fonseca
Kevin Fonseca
Publicado em 19/12/2018 às 17:15
Foto: Arquivo/ Agência Brasil
O ministro também afastou o segredo de Justiça do processo afirmando que o instituo não serve à proteção do autor de supostos crimes - Foto: Arquivo/ Agência Brasil
Leitura:

O ministro Nefi Cordeiro, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou nesta quarta-feira (19) o pedido de liberdade apresentado pela defesa do médium João Teixeira de Faria, o João de Deus, preso desde o último domingo (16), no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia. O ministro também afastou o segredo de Justiça do processo por entender que o instituto não serve à proteção do autor de supostos crimes contra a dignidade sexual.

Petição sem seguimento

Nefi Cordeiro indeferiu liminarmente o habeas corpus, o que significa, segundo o STJ, que a petição não terá seguimento. A defesa de João de Deus pretendia reverter a prisão preventiva em domiciliar com tornozeleira. A prisão preventiva foi decretada pela Justiça de Goiás com base em 15 denúncias já formalizadas em Goiânia, todas por crimes sexuais.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias