SAÚDE PÚBLICA

Mortes por overdose de analgésicos triplicam nos EUA

Segundo pesquisa, quase 5% dos norte-americanos de 12 anos ou mais abusam de analgésicos controlados, mas doses fatais são mais prováveis com homens e adultos de meia idade

Fábio Jardelino
Fábio Jardelino
Publicado em 01/11/2011 às 16:58
Leitura:

Um novo relatório do governo dos Estados Unidos mostra que o número de mortes causadas por overdose de analgésicos mais do que triplicou em uma década.

Analgésicos controlados como OxyContin, Vicodin e metadona contribuíram para a morte de cerca de 15 mil pessoas em 2008, mais de três vezes as 4 mil mortes registradas em 1999.

De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, pela sigla em inglês), quase 5% dos norte-americanos de 12 anos ou mais abusam de analgésicos controlados, mas doses fatais são mais prováveis com homens e adultos de meia idade. O relatório do CDC foi divulgado nesta terça-feira. As informações são da Associated Press.

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias