Agricultura

Países atingidos pela seca na Europa querem apoio da União Europeia

deia é discutir medidas extraordinárias para compensar os agricultores devido à seca em algumas regiões, como Portugal, a Espanha e a França

Milton Raulino
Milton Raulino
Publicado em 19/03/2012 às 8:35
Leitura:

BRASÍLIA – Os ministros da Agricultura e Pesca dos 27 países que formam a União Europeia se reúnem nesta segunda-feira (19) em Bruxelas, na Bélgica. Os países atingidos pela estiagem querem o apoio dos demais membros do bloco para compensar os prejuízos. A ideia é discutir medidas extraordinárias para compensar os agricultores devido à seca em algumas regiões, como Portugal, a Espanha e a França.

A expectativa é que a Comissão Europeia concorde em ajudar a região, incluindo a antecipação de empréstimos e a adaptação de fundos para os programas de desenvolvimento rural.

As delegações de Portugal e da Espanha pretendem informar os detalhes sobre a situação de seca. Os representantes desses países querem apoio para pedir o adiantamento de empréstimos e  medidas de compensação aos agricultores. Será apresentado um documento durante a reunião.

O comissário europeu para a Agricultura, Dacian Ciolos, disse que devido à seca há uma previsão de queda na produção de cereais e o agravamento na situação de escassez de alimentos para o gado, o que deve aumentar os custos de produção.

De acordo com as autoridades de Portugal, as previsões de chuva para os próximos dez dias no país  são nulas e para as próximas quatro semanas estão abaixo do normal.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias