em Genebra

Suu Kyi encoraja países estrangeiros a investir em Mianmar

"Por favor, encorajem seus governos a nos ajudar a construir" uma nova sociedade que dê trabalho aos jovens, disse a líder da oposição

Da AFP
Da AFP
Publicado em 14/06/2012 às 10:44
Foto: Sebastien Feval / AFP
"Por favor, encorajem seus governos a nos ajudar a construir" uma nova sociedade que dê trabalho aos jovens, disse a líder da oposição - FOTO: Foto: Sebastien Feval / AFP
Leitura:

GENEBRA - A líder da oposição em Mianmar, Aung San Suu Kyi, que iniciou em Genebra seu primeiro giro europeu desde que foi libertada, lançou nesta quinta-feira (14) um chamado aos países estrangeiros para investir em seu país.

"Por favor, encorajem seus governos a nos ajudar a construir" uma nova sociedade que dê trabalho aos jovens, disse perante os 4.000 representantes dos 185 países da Organização Internacional do Trabalho (OIT), cuja sede se encontra em Genebra. "É uma demanda urgente", acrescentou Suu Kyi, recebida com aplausos.

As empresas estrangeiras não vão apenas por "altruísmo, eu sei"; mas "desejo que seus lucros sejam compartilhados com nossa população", sobretudo com os jovens que não tiveram acesso à educação, acrescentou.

A líder opositora também convidou os participantes da conferência da OIT a viajar a Mianmar para "perceber todo o potencial" que a juventude do país possui. Depois de Genebra, Aung San Suu Kyi viajará a Berna, segunda etapa suíça de seu giro europeu.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias