paralisação

Grécia tem hoje a quinta greve geral do ano

A greve geral anual ocorre em instituições públicas, contra as medidas de austeridade do governo de Andonis Samarras

Flora Freire
Flora Freire
Publicado em 06/11/2013 às 8:00
Leitura:

A Grécia vive nesta quarta-feira (6) a quinta greve geral do ano contra as medidas de austeridade do governo de Andonis Samarras. Como as anteriores, a paralisação afeta essencialmente o setor público.

Os controladores aéreos farão uma greve de três horas, entre as 12h e as 15h (hora local). A paralisação do pessoal do aeroporto estende-se até as 16h, o que deverá provocar cancelamentos e atrasos de vários voos. O aeroporto de Atenas registrou atrasos de cerca de 20 voos internacionais e de mais de 40 domésticos.

Os hospitais gregos oferecem nesta quarta-feira serviços mínimos. As escolas, universidades, os tribunais e a maior parte dos serviços públicos não funcionam.

Convocada pelas duas principais centrais sindicais, a GSEE, que representa o setor privado, e a Adedy, representante do setor público, a greve é em protesto a uma série de medidas aprovadas pelo governo.

Os representantes sindicais exigem o fim da parte do imposto sobre bens imóveis, bem como a manutenção da moratória sobre os despejos, que será levantada a partir do próximo ano.

A greve coincide com a nova visita dos representantes da Troika - Fundo Monetário Internacional, Banco Central Europeu e Comissão Europeia - a Atenas para analisar os progressos da Grécia no cumprimento do programa de reformas.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias