Política

Cinco deputados turcos feridos em briga no Parlamento

Vários deputados do Partido AKP agrediram os da oposição com o martelo que o presidente da assembleia costuma usar para abrir e encerrar as sessões

Da AFP
Da AFP
Publicado em 18/02/2015 às 10:26
Foto: Reprodução/Twitter/muslimsarichp
Vários deputados do Partido AKP agrediram os da oposição com o martelo que o presidente da assembleia costuma usar para abrir e encerrar as sessões - FOTO: Foto: Reprodução/Twitter/muslimsarichp
Leitura:

Cinco deputados da oposição turca ficaram feridos na madrugada desta quarta-feira em uma briga no Parlamento antes do início de um debate sobre uma polêmica lei que reforça o poder da polícia.

Vários deputados do Partido da Justiça e do Desenvolvimento (AKP, islamita conservador, no poder) agrediram os da oposição com o martelo que o presidente da assembleia costuma usar para abrir e encerrar as sessões, indicou a agência de notícias Dogan.

No total, cinco deputados ficaram feridos e quatro deles precisaram ser hospitalizados. A sessão foi finalmente suspensa até esta quarta-feira.

O projeto de lei do governo reforça o poder da polícia facilitando as detenções, as inspeções e as escutas telefônicas sem necessidade de controle judicial.

A oposição tentou várias manobras para atrasar a abertura do debate, mas o AKP conseguiu começar graças a sua maioria na assembleia.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias