TENSÃO

Turquia acusa Rússia de violar espaço aéreo e convoca embaixador

Em comunicado à imprensa, o Ministério dos Negócios Estrangeiros turco declarou que a Rússia tem ''total responsabilidade''

Da ABr
Da ABr
Publicado em 30/01/2016 às 17:30
Foto: ALEXEY DRUZHININ / RIA NOVOSTI / AFP
Em comunicado à imprensa, o Ministério dos Negócios Estrangeiros turco declarou que a Rússia tem ''total responsabilidade'' - FOTO: Foto: ALEXEY DRUZHININ / RIA NOVOSTI / AFP
Leitura:

O governo da Turquia afirmou neste sábado (30) que a Rússia violou o espaço aéreo do país. De acordo com autoridades turcas, um caça russo Su-34 ultrapassou o limite aéreo entre os dois países, por volta da meia-noite, horário local. Após o incidente, a Turquia convocou o embaixador russo para explicações e condenou fortemente o episódio.

Em comunicado à imprensa, o Ministério dos Negócios Estrangeiros turco declarou que a  Rússia tem"total responsabilidade por todas as consequências graves decorrentes de tal atitude irresponsável". 

Há dois meses, um caça russo foi abatido por um avião de combate turco, após violar o espaço aéreo da Turquia, próximo à fronteira com a Síria. O fato criou uma crise diplomática entre os dois países, que têm posições opostas sobre a guerra civil na Síria. Enquanto a Rússia apoia o regime do presidente Bashar Al-Assad, a Turquia defende que Assad deixe o poder. 

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias