PAPA

Francisco pede a militares e policiais que sejam 'instrumentos de reconciliação

A declaração foi dada durante o Jubileu da Misericórdia

Lorena Barros
Lorena Barros
Publicado em 30/04/2016 às 10:05
Tiziana Fabi / AFP
A declaração foi dada durante o Jubileu da Misericórdia - Tiziana Fabi / AFP
Leitura:

O papa Francisco pediu neste sábado a militares e policiais que atuem como "instrumentos de reconciliação".

"Sejam instrumentos de reconciliação, construtores de pontes e semeadores da paz", declarou Francisco durante uma audiência especial ante centenas de membros das forças armadas e forças policiais presentes na praça de São Pedro, por ocasião do Jubileu da Misericórdia.

"Vocês estão convocados a prevenir, gestionar ou por fim aos conflitos, e também contribuir para a construção de uma ordem fundada na verdade, na justiça, no amor e na liberdade", acrescentou o papa.

As audiências do Papa acontecem toda quarta-feira no Vaticano, mas algumas, dedicadas a categorias de pessoas, são celebradas no sábado.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias