Venezuela

Mais um jovem morre durante protestos na Venezuela

Estudante morreu no estado de Zulia, no oeste da Venezuela, após ser baleado durante protesto

Lucas Vaz
Lucas Vaz
Publicado em 25/05/2017 às 9:25
Foto: Ronaldo Schemidt/AFP
Estudante morreu no estado de Zulia, no oeste da Venezuela, após ser baleado durante protesto - Foto: Ronaldo Schemidt/AFP
Leitura:

O Ministério Público da Venezuela (MP) informou, nessa quarta-feira (24), que um jovem estudante morreu no estado de Zulia, no oeste do país, após ser baleado durante protesto. A informação é da Agência EFE.

Em comunicado, o MP disse que pediu ao promotor do estado de Zulia, Israel Vargas, que conduza a investigação sobre a morte do estudante Adrián José Duque Bravo, de 23 anos, ocorrida ontem à noite, durante protesto em Maracaibo, capital de Zulia. Duque era estudante da Universidade Dr. José Gregorio Hernández.

Segundo o MP, na noite dessa quarta-feira um grupo de manifestantes estava "nas imediações do conjunto residencial Las Torres del Saladillo Maracaibo, quando agentes da Guarda Nacional Bolivariana apareceram para restaurar a ordem e a lei".

No texto, o MP relatou que teve início uma situação irregular, em que Duque ficou ferido. O jovem foi levado para um hospital da região, onde morreu pouco depois de chegar.

Funcionários do Corpo de Investigações Científicas, Penais e Criminalísticas (CiCPC) estiveram no local para "recolher provas" e esclarecer o fato, a fim de tentar determinar as responsabilidades penais.

Com a morte de Adrián Duque, sobe para 57 o número de mortos durante as violentas manifestações que ocorrem há quase dois meses na Venezuela.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias