INGLATERRA

Rainha Elizabeth II visita feridos do atentado de Manchester

Além de 22 mortos, o atentado na saída de um show de Ariana Grande, na segunda-feira (22), deixou 59 feridos

Amanda Azevedo
Amanda Azevedo
Publicado em 25/05/2017 às 8:11
Foto:PETER BYRNE / POOL / AFP
Além de 22 mortos, o atentado na saída de um show de Ariana Grande, na segunda-feira (22), deixou 59 feridos - Foto:PETER BYRNE / POOL / AFP
Leitura:

A rainha Elizabeth II da Inglaterra visitou nesta quinta-feira (25) um hospital onde estão internados alguns feridos do atentado de segunda-feira (22) em Manchester, de acordo com canais de televisão.

A soberana visitou o centro pediátrico Royal Manchester Children's Hospital. A rainha já havia observado um minuto de silêncio na terça-feira (23), antes de uma recepção no jardim do Palácio de Buckingham, em homenagem às vítimas do atentado, que deixou 22 mortos e 59 feridos.

Atentado de Manchester

A Polícia britânica deteve sete pessoas vinculadas ao atentado de Manchester reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI) e confirmou nesta quarta-feira (24) que o autor fazia parte de uma célula terrorista.

"Está claro que estamos investigando uma célula", disse à imprensa o comandante da polícia de Manchester, Ian Hopkins, ao ser questionado se estavam procurando especificamente o homem que fabricou a bomba que matou 22 pessoas e deixou 59 feridos ao final de um show da cantora pop americana Ariana Grande.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias