EUA

Tiroteio em hospital em Nova Iorque não é tratado como terrorismo

A identidade do atirador ainda não foi revelada, mas acredita-se que ele seja um ex-funcionário do centro hospitalar

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Publicado em 30/06/2017 às 17:52
Foto: AFP
A identidade do atirador ainda não foi revelada, mas acredita-se que ele seja um ex-funcionário do centro hospitalar - FOTO: Foto: AFP
Leitura:

O tiroteio no Hospital Bronx-Lebanon, em Nova Iorque, está sendo tratado pelo Departamento de Polícia da cidade (NYPD, na sigla em inglês) como um incidente em um local de trabalho, não relacionado a terrorismo. Segundo o NYPD, o atirador foi morto no hospital.

Até o momento, a polícia que duas pessoas foram baleadas. A rede de TV americana CNN, no entanto, afirma que entre 4 e 8 pessoas foram alvo do atirador. Além da polícia, o Departamento de Bombeiros de Nova Iorque também está respondendo ao incidente, disse um porta-voz.

A identidade do atirador ainda não foi revelada, mas acredita-se que ele seja um ex-funcionário do centro hospitalar.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias