Conflito

Talibãs afirmam que foguetes eram para avião do chefe do Pentágono

Seis foguetes foram disparados pelos talibãs com objetivo de derrubar avião do secretário de defesa dos EUA

AFP
AFP
Publicado em 27/09/2017 às 8:12
Foto: AFP
Seis foguetes foram disparados pelos talibãs com objetivo de derrubar avião do secretário de defesa dos EUA - FOTO: Foto: AFP
Leitura:

Ao menos seis foguetes caíram nesta quarta-feira perto do aeroporto internacional de Cabul, sem provocar vítimas, pouco depois da chegada à capital afegã do secretário de Defesa dos Estados Unidos Jim Mattis, em uma ação reivindicada pelos talibãs.

Os talibãs afirmaram que o alvo era o avião do secretário de Defesa americano. Os insurgentes costumam lançar foguetes de pouca precisão em direção à capital a partir das colinas próximas.

O tráfego no aeroporto é "normal", indicou pouco depois o porta-voz do ministério do Interior, Najib Danish.

Mattis, que desembarcou em Cabul procedente da Índia, e o secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, se reunirão com os comandantes da operação Resolute Support (RS) e as autoridades afegãs, um mês depois do anúncio sobre o envio de reforços americanos ao país.

EUA e Afeganistão

As forças dos Estados Unidos estão no Afeganistão desde 2001. Atualmente o país mantém 11.000 homens e deve enviar mais 3.000.

Washington deseja que a Otan aumente o número de integrantes da operação Resolute Support, que tem 5.000 homens da Organização do Tratado do Atlântico Norte.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias