Duquesa de Sussex

'Tenho orgulho de ser mulher e feminista', diz Meghan Markle

Site oficial da realeza britânica colocou no ar uma página sobre a atriz Meghan Markle, que se casou neste sábado (19) com o príncipe Harry

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Publicado em 20/05/2018 às 17:15
Foto: Jonathan Brady / POOL / AFP
Site oficial da realeza britânica colocou no ar uma página sobre a atriz Meghan Markle, que se casou neste sábado (19) com o príncipe Harry - FOTO: Foto: Jonathan Brady / POOL / AFP
Leitura:

Após o casamento real do Príncipe Harry e da atriz Meghan Markle, o site oficial da realeza britânica colocou no ar uma página sobre a nova duquesa de Sussex. A biografia traz informações sobre os trabalhos sociais e também menciona que Meghan é comprometida com "o empoderamento das mulheres".

"Tenho orgulho de ser mulher e feminista", afirma a nova integrante da realeza britânica em sua página oficial.

No ano passado, Meghan visitou a ONG World Vision para conscientizar meninas sobre a importância da educação. Em 2015, a duquesa tornou-se defensora das mulheres da ONU. No entanto, desde os 11 anos de idade ela já era ativista pela igualdade de gênero. Após uma campanha, a norte-americana conseguiu que uma empresa que vendia detergente mudasse um anúncio de televisão apontado como sexista.

Casamento

O príncipe Harry, sexto na linha de sucessão ao trono britânico, se casou na manhã deste sábado (19) com Meghan Markle em uma cerimônia na Capela St. George, em Windsor, localizada a cerca de 42 quilômetros de Londres.

Com o casamento repleto de personalidades como David e Victoria Beckham, George e Amal Clooney e o cantor Elton John, a celebração foi marcada por quebra de tradições históricas em casamentos reais.

A começar pelo vestido utilizado por Meghan, desenhado pela diretora artística da marca francesa Givenchy, a cerimônia teve um tom menos formal do que os últimos casamentos realizados dentro da família real britânica.

Entre os momentos marcantes estão o sermão do pastor norte-americano Michael Curry e o coral Kingdom Choir, que cantou uma versão emocionante da música Stand By Me, de Ben E. King.

Últimas notícias