CRISE

Direção do FMI aprova empréstimo de US$ 56 bilhões para Argentina

Fundo anunciou que esta aprovação libera 5,7 bilhões para o governo imediatamente

Fillipe Vilar
Fillipe Vilar
Publicado em 26/10/2018 às 15:11
Foto: JUAN MABROMATA / AFP
Fundo anunciou que esta aprovação libera 5,7 bilhões para o governo imediatamente - FOTO: Foto: JUAN MABROMATA / AFP
Leitura:

A direção do Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou nesta sexta-feira o pacote de ajuda de 56 bilhões de dólares para a Argentina com o objetivo de ajudar a estabilizar a economia do país. 

O FMI anunciou que esta aprovação libera 5,7 bilhões para o governo imediatamente. 

"A Direção Executiva do Fundo Monetário Internacional (FMI) concluiu no dia de hoje a primeira revisão do desempenho econômico da Argentina em virtude do Acordo Stand-By (SBA) de 36 meses que foi aprovado em 20 de junho de 2018", disse o organismo em um comunicado.

Outra dívida

O país conseguiu um empréstimo de 50 bilhões de dólares do FMI em junho, dos quais já recebeu 15 bilhões, mas Buenos Aires precisou voltar ao organismo para obter apoio adicional com desembolsos mais rápido.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias