Violência

Ataques criminosos no noroeste da Nigéria deixam ao menos 30 mortos

Na semana passada, cerca de 60 pessoas já haviam sido assassinadas por bandidos

Jennifer Thalis
Jennifer Thalis
Publicado em 05/03/2019 às 15:35
Foto: Reprodução / Google Maps
Na semana passada, cerca de 60 pessoas já haviam sido assassinadas por bandidos - FOTO: Foto: Reprodução / Google Maps
Leitura:

Pelo menos 30 pessoas morreram no ataque a um povoado do noroeste da Nigéria, no estado de Zamfara, pelas mãos de grupos armados que aterrorizam a população, declararam nesta terça-feira (5) à AFP a polícia e os moradores.

Homens armados sobre motos atacaram no domingo o povoado de Kware, no distrito de Shinkafi, disparando contra os habitantes e incendiando casas.

"Posso confirmar que os bandidos mataram 30 pessoas durante o ataque de Kware", declarou o porta-voz da polícia de Zamfara, Mohammed Shehu.

No povoado, os habitantes falavam de um balanço mais alto.

Relato

"Encontramos 34 corpos depois do ataque e muitas outras pessoas ainda não foram achadas", afirmou Alu Wadatau, morador de Kware.

"Chegaram às 16h00 (12h00 de Brasília) e abriram fogo contra o povoado, disparando para matar as pessoas e incendiando casas", assinalou.

Na semana passada, cerca de 60 pessoas foram assassinadas por bandidos que agem na região do noroeste, onde o Estado nigeriano nem sempre pode garantir a segurança.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias