CATEDRAL

Primeira missa desde incêndio será realizada sábado em Notre-Dame

Segundo a Arquidiocese de Paris, a missa vai contar com a presença 'de um número limitado de pessoas, por razões de segurança evidentes'

AFP
AFP
Publicado em 11/06/2019 às 7:57
Notícia
Foto: KENZO TRIBOUILLARD / AFP
Segundo a Arquidiocese de Paris, a missa vai contar com a presença 'de um número limitado de pessoas, por razões de segurança evidentes' - FOTO: Foto: KENZO TRIBOUILLARD / AFP
Leitura:

Uma missa fechada ao público será realizada no sábado na catedral de Notre-Dame de Paris, a primeira desde o incêndio que a assolou há dois meses, informou nesta terça-feira a diocese de Paris.

A missa, oficiada pelo arcebispo de Paris Michel Aupetit, vai ser numa capela, na presença "de um número limitado de pessoas, por razões de segurança evidentes".

Apenas cerca de vinte pessoas, entre elas padres e cônegos da catedral, participarão da missa.

Incêndio

Monumento emblemático da capital francesa, Notre-Dame foi parcialmente destruída por um feroz incêndio em 15 de abril. 

A data da missa, a primeira desde a tragédia, foi escolhida por ser a festa da Dedicação, que comemora a consagração do altar da catedral e que normalmente acontece em 16 de junho.

Esta missa "será transmitida por um canal de televisão, para que os cristãos possam participar e comungar", acrescentou a diocese.

"Dom Aupetit deseja anunciar aos católicos que a catedral é um lugar de culto", segundo a mesma fonte.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias