Decisão

Rede diz que nenhum candidato representa suas bandeiras

A futura sigla nega que esteja negociando apoio formal ao tucano Aécio Neves

Carolina Sá Leitão
Carolina Sá Leitão
Publicado em 10/10/2014 às 21:18
Foto: ABr
A futura sigla nega que esteja negociando apoio formal ao tucano Aécio Neves - FOTO: Foto: ABr
Leitura:

A Rede Sustentabilidade, partido em fase de criação liderado pela ex-senadora Marina Silva, se manifestou na tarde desta sexta-feira (10) em nota reafirmando que nenhum dos candidatos que seguem no segundo turno representa o projeto defendido pelos "marineiros". A futura sigla nega que esteja negociando apoio formal ao tucano Aécio Neves.

"A Rede vem reafirmar que nenhum dos projetos em disputa nos representa, e que seguiremos independentes, seja qual for o governo que emergir neste segundo turno", pontua a nota.

O grupo político de Marina reforçou a posição de recomendar aos seus militantes o voto em branco, nulo ou no candidato do PSDB à Presidência da República nesta fase do processo eleitoral. O futuro partido ressalta que qualquer manifestação de voto de seus militantes deve ser vista como posição pessoal e não de caráter partidário. 

A nota informa que o grupo não está negociando uma adesão à campanha do tucano e que Marina deve se posicionar "conforme sua consciência". "A Rede esclarece ainda que não está negociando suas posições com a candidatura Aécio. O objetivo do documento elaborado e consensuado na Direção Nacional (Elo) é apresentar à sociedade a posição do partido, contribuindo assim para um pleito mais qualificado. A adesão da Rede à candidatura de Aécio Neves não está em questão".

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias