eleições 2012

Lula ainda vê chance de PT chegar à frente em São Paulo

Pesquisa Datafolha divulgada na quarta-feira mostra queda de Celso Russomano, o primeiro lugar nas pesquisas na capital paulista

Da Agência Estado
Da Agência Estado
Publicado em 04/10/2012 às 19:56
Leitura:

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva considera indefinido o cenário eleitoral em São Paulo e ainda vê chance de o candidato do PT à prefeitura, Fernando Haddad, chegar à frente dos adversários na disputa em primeiro turno. Lula traçou o cenário otimista a vários interlocutores, nesta quinta-feira (4), entre eles o deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP), com quem se reuniu à tarde, no Instituto Lula. "Estamos vendo o Russomanno se desintegrando numa queda vertiginosa e é possível que ele seja ultrapassado pelo Haddad", disse Teixeira, referindo-se ao candidato do PRB à prefeitura, Celso Russomanno.

Pesquisa Datafolha divulgada na quarta-feira (3) mostra queda de cinco pontos do candidato do PRB em uma semana, chegando aos 25% das intenções de voto, enquanto José Serra, do PSDB, aparece com 23% e Fernando Haddad com 19%. De acordo com Teixeira, o ex-presidente "até torce" por um confronto entre Haddad e Serra no segundo turno. "É um dos cenários possíveis. O que está claro para o Lula e para nós todos é que o Haddad estará no segundo turno", disse.

Assessores de Lula confidenciaram que o ex-presidente enfrentava um dia foi tenso com as informações sobre o panorama eleitoral pelo Brasil pouco favorável ao PT, e ainda com o julgamento do mensalão em Brasília e as primeiras decisões condenando seu ex-ministro e amigo José Dirceu, um dos principais réus no processo.

O deputado Teixeira disse o ex-presidente não acompanhava o julgamento e estava interessado apenas nas eleições. Lula continua inconformado com o cancelamento do debate em emissoras de televisão, sobretudo na TV Globo. No dia anterior, em evento no bairro São Mateus, na zona leste da capital, ele já havia reclamado da suspensão dos debates e dito que Haddad estava "doido" para ficar frente à frente com os adversários na TV. Na avaliação de Lula, seu candidato perdeu a oportunidade de captar votos dos indecisos e de eleitores que estão desistindo de Russomanno. Lula encerra a campanha do primeiro turno em caminhada nesta sexta-feira com Haddad na região da Praça da República, centro da capital.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias