eleições 2014

Haddad, Alckmin e Dilma trocam gentilezas em evento

O prefeito Fernando Haddad, o governador Geraldo Alckmin e a presidente Dilma Rousseff destacaram a parceria entre as três esferas de poder independentemente dos partidos dos governantes

Katarina Vieira
Katarina Vieira
Publicado em 26/06/2014 às 11:47
Leitura:

Em meio ao acirramento da disputa eleitoral, o começo da cerimônia de assinatura do contrato de financiamento da Linha 6 do Metrô, que foi realizada nesta quinta-feira (26) em São Paulo, foi marcada por uma troca de gentilezas entre as principais autoridades presentes. O prefeito Fernando Haddad (PT), o governador Geraldo Alckmin (PSDB) e a presidente Dilma Rousseff destacaram a parceria entre as três esferas de poder independentemente dos partidos dos governantes.

Abrindo as falas, o presidente da capital paulista, Fernando Haddad, destacou que este é um esforço "incomum, inédito e até inusitado" de transformar São Paulo em um canteiro de obras específicas. "Estamos alinhando estrategicamente ações de três esferas de governo levando em consideração interesses dos munícipes", comentou, destacando que os governos federal, estadual e municipal seguem a boa prática da governança pública de colocar o interesse público acima de interesses privados ou partidários.

Já Alckmin agradeceu à parceria com o prefeito petista e voltou a se referir à presidente Dilma Rousseff como "sempre mensageira de boas novas para São Paulo". "Este é um bom exemplo de que somos todos imunes aos ciclos políticos em benefício da população", ressaltou.

Dilma, por sua vez, destacou em seu discurso que a parceria mostra um avanço da democracia brasileira. "O fato de que somos capazes de atuar em conjunto em benefício da população é algo que só qualifica nosso processo democrático e federativo. Apesar de destacar a boa relação entre os três níveis de poder, a presidente afirmou que, "no passado", não se investia tanto em mobilidade urbana como no atual governo.

Falando sobre a realização da Copa do Mundo no Brasil, já no fim de seu discurso, Dilma voltou a se dirigir a Alckmin. "Em conjunto, também demonstramos que somos perfeitamente capazes de garantir a segurança e a qualidade dos estádios e dos aeroportos", comentou.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias