ministro

Mendonça Filho posta foto de não-adesão à paralisação nacional

Ministro da Educação afirmou que o dia é de "muito trabalho"

Da editoria de Política
Da editoria de Política
Publicado em 28/04/2017 às 15:14
Foto: Reprodução/Facebook
Ministro da Educação afirmou que o dia é de "muito trabalho" - FOTO: Foto: Reprodução/Facebook
Leitura:

O ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM), postou na sua página no facebook, nesta sexta-feira (28), uma foto trabalhando em seu gabinete, em Brasília. A postagem vai de encontro à paralisação nacional convocada por centrais sindicais contrárias às reformas propostas pelo governo federal.

"Aqui no MEC o dia 28 é de muito trabalho. Educação não pode parar", diz a legenda da foto.

Mendonça foi exonerado do cargo de ministro para retornar à Câmara Federal e votar na reforma trabalhista, na última quarta-feira. Além deles, os ministros pernambucanos Bruno Araújo (PSDB), de Cidades, e Fernando Bezerra Filho (PSB), de Minas e Energia, também foram deslocados para o Legislativo. Todos votaram favoráveis à proposta do governo.

CRÍTICAS

Mendonça recebeu algumas críticas de internautas pelo seu posicionamento. Nas respostas aos comentários, defendeu a reforma trabalhista. "Votei por acreditar na matéria que diz respeito ao futuro do País. O Brasil precisa modernizar as relações trabalhistas. A Reforma preserva os direitos dos trabalhadores e vai garantir a geração de renda e mais empregos. É preciso parar de divulgar mentiras sobre a reforma trabalhista", argumentou a um internatua. A outra, respondeu que "A reforma trabalhista representa a modernização das relações trabalhistas, geração de empregos e renda. Os direitos trabalhistas foram mantidos".

Aos que lhe parabenizavam, o ministro apenas agradecia ao apoio.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias