reforma trabalhista

Romero Jucá diz que reforma trabalhista é prioridade para o governo

Líder do governo no Senado divulgou nota defendendo mudanças na lei atual

Da editoria de Política
Da editoria de Política
Publicado em 28/04/2017 às 14:38
Foto: Agência Senado
Líder do governo no Senado divulgou nota defendendo mudanças na lei atual - FOTO: Foto: Agência Senado
Leitura:

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), divulgou uma nota, no início da tarde desta sexta-feita (28), afirmando que a reforma trabalhista, projeto aprovado pela Câmara na última quarta (26), é uma prioridade para o governo federal. Jucá destacou que o texto "representa um avanço" e que "muitas das regras aprovadas já estão em funcionamento".

Entenda ponto a ponto as mudanças na Reforma Trabalhista

Tire as dúvidas sobre a reforma trabalhista

Jucá destacou, ainda, que defende a provação de um cronograma de tramitação no projeto no Senado, passando por comissões. O trâmite será discutido entre a presidência da Casa e os líderes partidários.

Dos três senadores pernambucanos, dois deverão votar favoráveis à reforma trabalhista. Armando Monteiro Neto (PTB) e Fernando Bezerra Coelho (PSB) demonstram apoio às alterações das les trabalhistas, enquanto o líder da oposição, Humberto Costa (PT), mostrou-se contrário.

Leia a nota de Romero Jucá:

O líder do governo no Senado, senador Romero Jucá, afirma que a reforma trabalhista é uma prioridade do governo para ajudar na criação de empregos. O texto, que representa um avanço, teve uma aprovação inquestionável na Câmara dos Deputados. Muitas das regras aprovadas já estão em funcionamento desde a regulamentação do trabalho doméstico.
No Senado, o líder do governo defende a aprovação de um calendário , passando por comissões, que será discutido entre o presidente Eunício de Oliveira e os líderes partidários. Também espera que a tramitação leve um tempo razoável, ainda neste semestre, para que já tenha um impacto positivo nos índices de emprego.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias