PSDB

Ação da PF no gabinete de Aécio Neves já dura mais de duas horas

Agentes da PF também cumpriram mandados em endereços ligados ao senador no Rio de Janeiro

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Publicado em 18/05/2017 às 9:01
Foto Lula Marques/AGPT
Agentes da PF também cumpriram mandados em endereços ligados ao senador no Rio de Janeiro - FOTO: Foto Lula Marques/AGPT
Leitura:

Agentes da Polícia Federal seguiam por volta das 8h20 desta quinta-feira (18), fazendo busca e apreensão de documentos no gabinete do senador Aécio Neves (PSDB-MG) no Senado. A operação no local já dura mais de duas horas, segundo policiais legislativos.

Parte da imprensa foi impedida de acompanhar a operação. A Polícia Legislativa restringiu o acesso ao prédio anexo do Senado onde os gabinetes dos senadores estão localizados. Os carros da PF aguardam os agentes na chapelaria do Congresso Nacional, entrada principal do prédio.

Rio de Janeiro

Outros agentes da PF que estavam desde cedo na residência de Aécio Neves em Brasília saíram em torno das 8h20 do local com um malote. Às 8h30, apenas jornalistas faziam plantão na frente da casa do senador, que fica em um bairro nobre na capital.

No mesmo horário, a PF fazia uma busca no apartamento de Andréa Neves, irmã de Aécio Neves, localizado na Avenida Atlântica, na Praia de Copacabana, zona sul do Rio. Dois carros da PF estão diante do prédio. Alguns motoristas que passam pela avenida à beira-mar se manifestam com buzinas. Andrea foi presa em Belo Horizonte.

Janot pediu prisão de Aécio

A Procuradoria Geral da República (PGR) pediu a prisão do senador Aécio Neves (PSDB-MG). O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu submeter ao plenário da Corte máxima o pedido de prisão do tucano.

Busca da PF no TSE 

A Operação da Polícia Federal deflagrada na manhã desta quinta-feira, 18, também faz buscas na sede do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em Brasília. A ação foca exclusivamente o procurador Ângelo Goulart, alvo de mandado de prisão na operação originada da delação premiada da JBS.

Goulart atua no TSE com o vice-procurador-geral Eleitoral Nicolao Dino, que está acompanhando as medidas da PF. A busca e apreensão é restrita à sala do procurador, que fica na área da Procuradoria-Geral Eleitoral, no quinto andar do prédio. A PF deve levar computadores e mídias.

Advogados estão na casa de Aécio

Advogados do senador Aécio Neves (PSDB-MG) se reuniam por volta das 9h15 desta quinta-feira (18), na residência do tucano em Brasília. Logo após a saída dos agentes da Polícia Federal da casa do senador, o advogado Luís Eduardo Alckmin chegou ao local Na sequência, chegou também o advogado criminalista Rodrigo Alencar. "Vim ver um amigo", afirmou Alencar ao entrar na residência.

Havia, às 9h30, vários jornalistas na porta da casa e duas viaturas da Polícia Militar tinham acabado de chegar ao local. O carro que o senador costuma usar está estacionado nas proximidades. Alguns vizinhos também acompanham com curiosidade a movimentação em torno da residência do presidente do PSDB.

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias