Crise

Decisão de Temer em não renunciar repercute na imprensa mundial

anúncio de Michel Temer informando que não renunciará ao cargo de presidente do Brasil repercute na imprensa do mundo todo

JC Online
JC Online
Publicado em 18/05/2017 às 16:58
Reprodução / TV
anúncio de Michel Temer informando que não renunciará ao cargo de presidente do Brasil repercute na imprensa do mundo todo - FOTO: Reprodução / TV
Leitura:

O anúncio de Michel Temer informando que não renunciará ao cargo de presidente do Brasil repercute na imprensa do mundo todo. O The New York Times tem, neste momento, às 17h desta quinta (18), uma chamada de primeira página chamando a notícia: Presidente do Brasil rejeita chamados para sair em meio a novas denúncias de corrupção.

A manchete da página de internet do jornal português Público informa usa a frase dita há pouco pelo, ainda, presidente brasileiro, revelando ainda a debandada em seu governo. "Não renunciarei", diz Temer, apesar da demissão de vários ministros.

FRASE

O maior jornal argentino, Clarín, também usa na manchete de sua homepage a frase "Não renunciarei", destacando ainda, que Temer afirmou na coletiva de imprensa que não havia comparado o silência de ninguém.

Na Inglaterra, o The Guardian, também mantém uma chamada em sua primeira página informando que o Brasil poderá ver um outro presidente retirado do poder após a alta corte brasileira aprovar a investigação contra Temer.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias