CASO TRIPLEX

Apesar de condenado, Lula não será preso

Moro deixou claro que ex-presidente poderá apresentar apelação em liberdade

Lucas Moraes
Lucas Moraes
Publicado em 12/07/2017 às 14:39
Foto: Agência Brasil
Moro deixou claro que ex-presidente poderá apresentar apelação em liberdade - FOTO: Foto: Agência Brasil
Leitura:

Condenado a 9 anos e seis meses de prisão pelo juiz Sérgio Moro, no caso triplex, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não cumprirá a pena imediatamente. Na decisão, Moro deixou claro que "caberia cogitar a decretação da prisão preventiva do ex-presidente", mas considerando "certos traumas" é mais prudente aguardar o julgamento pela Corte de Apelação.

Leia a íntegra da sentença que condenou Lula from Portal NE10

Nesse processo, Lula é condenado pelo crime de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Pelos pagamentos via triplex, ele teria praticado 3 vezes corrupção passiva entre 11 de outubro de 2006 a 23 de janeiro de 2012. Nesse mesmo negócio, o petista foi condenado por 3 vezes ter praticado crime de lavagem de dinheiro entre 8 de outubro de 2009 até 2017. Esta é a primeira condenação de Lula na Lava Jato. Para Moro, o petista poderá apresentar a sua apelação em liberdade.

Satisfação

Na sentença, o juiz diz que não sente satisfação ao condenar o ex-presidente. "É de total lamentável que um ex-presidente da República seja condenado criminalmente, mas a causa disso são os crimes por ele praticados, esclareceu.

Confira os processos judiciais contra Lula

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias