Eleições

Marina Silva diz que não aparece porque não está na Lava Jato

Marina conta que é vítima desde 2014 das notícias falsas, mas nem sempre aparece na repercussão

Maria Eduarda Bravo
Maria Eduarda Bravo
Publicado em 22/02/2018 às 11:07
Foto: EBC
Marina conta que é vítima desde 2014 das notícias falsas, mas nem sempre aparece na repercussão - FOTO: Foto: EBC
Leitura:

Em entrevista à Rádio Jornal na manhã desta quinta-feira (22), a pré-candidata a presidente, Marina Silva (Rede) disse que não é figura carimbada nos noticiários porque não é alvo de investigações na Operação Lava Jato, referência a diversos políticos que já foram citados ou objeto das apurações da Polícia Federal.

Marina também contou que é vítima de fake news (notícias falsas)desde 2014, mas nem sempre aparece na repercussão. "Como não estou na Lava-Jato, realmente não apareço nas páginas policiais, mas ainda assim meu nome aparece".

A ex-senadora afirma que fazer de tudo para ganhar uma eleição, não é o melhor caminho na política. "Não fazemos filiação de quem não tem identidade política com nossos valores, sempre digo que não vale tudo para ganhar uma eleição", afirmou Marina.

"Na rede não tratamos ex-filiados como inimigos, tratamos com respeito e se por ventura saírem, não deixarão de ser quem são independente do partido", continuou.

Intervenção militar

Quando perguntada sobre a intervenção militar no Rio de Janeiro, Marina Silva alerta que o caso desrespeita a nossa Constituição os Direitos Humanos e a inviolabilidade das pessoas. "Sou contra, mas sucessivos governos negligenciaram a questão da segurança. Deixaram entregue apenas aos Estados e todos sabiam que não era só pelos Estados. É preciso nacionalizar, se não vamos chegar ao caos, é preciso plano nacional, trabalho integrado de fato", afirmou a ex-senadora.

Marina Silva ainda elogia o trabalho que a Polícia Federal está realizando. "A PF tem feito excelente trabalho e qualquer tipo de manipulação, o MPF para trabalhar, não pode ter autoridades sabotando o trabalho da Justiça", conta.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias