DESMEMBRAMENTO

Não preciso 'fritar' ministro para demitir, diz Bolsonaro em entrevista à Band

A fala do presidente Bolsonaro tenta apaziguar apoiadores e o ambiente político em Brasília, após uma possibilidade de desmembramento do ministério de Moro

Thalis Araújo
Thalis Araújo
Publicado em 24/01/2020 às 21:32
Notícia
Foto: Agência Brasil
A fala do presidente Bolsonaro tenta apaziguar apoiadores e o ambiente político em Brasília, após uma possibilidade de desmembramento do ministério de Moro - Foto: Agência Brasil
Leitura:

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que está em viagem à Índia, disse em entrevista à TV Bandeirantes que o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, "tem feito um bom trabalho junto com os secretários de Estados" e que não há nenhum problema entre ele e o ministro.

>> Secretário de defesa social de Pernambuco endossa pedido a Bolsonaro para recriar Ministério da Segurança Pública

>>  Heleno defende Bolsonaro de críticas por avaliar tirar Segurança Pública de Moro

A fala de Bolsonaro tenta apaziguar apoiadores do governo e o ambiente político em Brasília, que repercutiram a possibilidade aventada pelo presidente de desmembramento da pasta de Moro. A ideia era deixar a Justiça com o ex-juiz da Lava Jato e recriar o Ministério da Segurança Pública.

Igualdade

"Todos os meus ministros são tratados de maneira igual. Eu tenho poder de veto, quem dá o norte sou eu", disse Bolsonaro, defendendo que há tratamento isonômico entre os ministros. O presidente disse que suas "ações são muito bem pensadas" e que ele "não precisa fritar ministro para demitir".

Bolsonaro atribuiu a repercussão sobre um possível desmembramento do Ministério da Justiça e da Segurança Pública à "maldade" de algumas pessoas, sem especificar de quem estava falando. Segundo o presidente, o "barulho" foi criado pela impossibilidade de uma resposta negativa ou positiva na hora à proposta de alguns secretários de Segurança estaduais de recriação da pasta da Segurança Pública.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias