política

Eduardo Campos vai a Brasília na quarta

Governador terá encontros políticos

Diogo Menezes
Diogo Menezes
Publicado em 09/05/2011 às 7:59
Ernesto Barros
FOTO: Ernesto Barros
Leitura:

A preocupação por conta das fortes chuvas que atingem o Estado ainda não acabou, mas o governador Eduardo Campos (PSB) deve retomar, esta semana, pelo menos parte da agenda que estava prevista para semana passada – e que acabou ficando em segundo plano. Na quarta-feira (11), o socialista viaja para Brasília, onde se reunirá com a presidente Dilma Rousseff, encontro que deveria ter acontecido semana passada, mas que acabou cancelado. Paralelamente à agenda governamental, Eduardo deve manter encontros políticos - já na figura do presidente nacional de sua legenda -, e não será surpresa se voltar a conversar pessoalmente com o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, sobre a aliança PSB/PSD.

Eduardo e Kassab estiveram juntos no final de abril, quando o prefeito paulista foi recebido para um jantar no Palácio do Campo das Princesas, juntamente com uma leva de políticos catarinenses - todos do DEM - que estão ingressando para a nova legenda, incluindo o governador Raimundo Colombo. Há quem sugira que o pernambucano é sempre ouvido e consultado acerca de cada nova adesão à sigla de Kassab. A tendência é que, sem uma divulgação prévia, os dois aliados continuem se encontrando sempre que houver possibilidade - o que pode acontecer em Brasília.

Na agenda oficial da visita à Capital Federal, Eduardo vai encontrar com Dilma para formalizar a parceria entre os governos federal e estadual para a construção de cinco novas barragens com o intuito de diminuir o drama que vem se tornando constante para moradores da Mata Sul do Estado.

Neste fim de semana, Gilberto Kassab voltou a visitar Nordeste, mais precisamente Alagoas e o Piauí, para prestigiar a adesão de novos nomes ao PSD. Em Maceió, participou da filiação do deputado federal João Lyra (PTB) e o prefeito da cidade, Cícero Almeida (PP), futuros correligionários do prefeito paulistano. No Piauí, prestigiou os deputados federais Hugo Napoleão e Júlio César Lima, ambos do DEM.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias