PT x PT

Depois de tantas brigas, sorrisos no aeroporto

Ao retornarem de São Paulo, onde se encontraram com o o presidente presidente do PT, João da Costa e Maurício Rands desembarcam sorrindo no Recife

Márcio Didier
Márcio Didier
Publicado em 30/05/2012 às 0:15
Leitura:

Os passageiros que desembarcavam na noite dessa terça-feira no Aeroporto Internacional dos Guararapes estavam assustados com a cena. Como poderiam supor que dois rivais políticos que se engalfinhavam há mais de 60 dias, sem recuar um milímetro sequer, estavam abraçados posando para fotos?

O deputado federal Maurício Rands e o prefeito do Recife, João da Costa, voltaram sorrindo de São Paulo, apesar de o motivo da viagem ser um puxão de orelhas que levariam presidente nacional do PT, Rui Falcão.

“Essa reunião já estava programada. O presidente pediu mais parcimônia na condução das campanhas”, garantiu o deputado, que foi direto do aeroporto cumprir a primeira de suas três agendas de campanha da noite.

Os dois apressaram-se em negar que o senador Humberto Costa seria o candidato de consenso para a desafortunada sucessão do Recife. Mas uma negativa não tão veemente. “É um tempo de especulação. O que há de concreto é que demos mais um passo para melhorar o diálogo entre João da Costa e eu”, reforçou Rands, sendo interrompido pelo prefeito. “A comissão está vindo e segue o mesmo procedimento que está sendo acordado. A prévia está mantida”, repetiu o prefeito, se referindo à comissão enviada pela nacional para organizar a disputa de domingo, que chegou ao Recife na noite dessa terça-feira.

Leia a matéria completa na edição desta quarta-feira do JC

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias