JUSTIÇA ELEITORAL

TRE retoma mutirão na quarta

Apesar da maratona de julgamentos, tribunal ainda tem 153 casos na pauta. O mais aguardado é o do prefeito Severino Cavalcanti

Gilvan Oliveira
Gilvan Oliveira
Publicado em 25/08/2012 às 7:10
Leitura:

Apesar do mutirão realizado na quinta-feira (23), o Pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE) ainda tem 153 processos envolvendo registros de candidaturas para analisar. Os sete desembargadores se reunirão na próxima quarta (29) para tentar zerar a pauta. Ao todo, eles já julgaram 736 recursos, sendo 159 na última sessão.

O caso mais aguardado é o do ex-presidente da Câmara Federal e atual prefeito de João Alfredo, Severino Cavalcanti (PP). Na noite da quinta, o advogado do progressista entrou com recurso no TRE para garantir o registro. Porém, o processo estava na comarca de João Alfredo, o que impediu o julgamento. Severino teve o registro impugnado na 88ª Zona Eleitoral e recorreu. Caso tenha seu pedido negado pelo TRE, ele ainda poderá recorrer ao TSE.

Essa deverá ser a estratégia dos prefeituráveis Jerônimo Gadelha (PSB/Abreu e Lima), Erivaldo Morais (PPS/Machados) e Robson Amorim (PSB/Lagoa Grande), bem como dos candidatos a vereador que tiveram os registros indeferidos. Entre os prefeituráveis que obtiveram êxito na primeira instância estão João Mendonça (PSD/Belo Jardim), José Queiroz (PDT/Caruaru), Carlos Santana (PSDB/Ipojuca), Zé da Luz (PHS/Caetés), José Augusto Maia (PTB/Santa Cruz do Capibaribe), Sampainho (PSB/Caetés), Beto da Usina (PDT/Palmares), Jairo Pereira (PSDB/São Lourenço da Mata) e Silvino Duarte (PSDB/Garanhuns).

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias