ELEIÇÕES

Recadastramento biométrico gera confusão no Centro de Convenções

Várias pessoas chegaram cedo ao local e ainda não conseguiram ser atendidas

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 16/02/2016 às 10:28
Foto: Guga Matos/JC Imagem
Várias pessoas chegaram cedo ao local e ainda não conseguiram ser atendidas - FOTO: Foto: Guga Matos/JC Imagem
Leitura:

O esquema montado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) para atender a população de Olinda que ainda precisa realizar o recadastramento biométrico não tem sido suficiente. Durante a manhã desta terça-feira (16), várias pessoas que foram até o Centro de Convenções, no Complexo de Salgadinho, não conseguiram ser atendidas.

Muita gente que chegou cedo ao Centro de Convenções, em Olinda, ainda não conseguiu realizar o recadastramento do título eleitoral. De acordo com pessoas que procuraram o atendimento, o serviço, que é realizado através da distribuição de fichas, não consegue garantir a renovação do título de todos os que estão no local.

Justamente por conta da distribuição de fichas, um príncipio de tumulto foi registrado durante esta manhã. O Tribunal não teria informado a restrição no número de atendimentos e agora as pessoas estão sem perspectiva de quando serão atendidas. Ao todo, 100 fichas são distribuídas durante a manhã e novamente durante a tarde, a partir das 12h. Dois ônibus foram colocados à disposição das pessoas, porém apenas um realiza a mudança no título eleitoral. Por volta das 10h, uma funcionária confirmou que os dois veículos estavam prestando atendimento.

Quem tenta renovar o título pela internet também não tem obtido sucesso, pois o serviço não tem mais vagas.

O presidente da Comissão de Biometria do TRE, Eduardo Lucas, explicou que houve uma procura maior do que a demanda de atendimento. “O fluxo aumenta nesse final de prazo e a capacidade de atendimento não acompanha no mesmo ritmo”, disse. O Tribunal vai abrir até março duas salas no Centro de Convenções com 36 guichês para o recadastramento. Além do Cecon, há postos em Bairro Novo, Varadouro, Expresso Cidadão de Peixinhos e no Fórum de Olinda. 

Para ter acesso ao novo título biométrico, é preciso apresentar o documento de identidade, um comprovante de residência e, para os homens, também a comprovação da quitação militar. O recadastramento vai até o dia 31 de março.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias