política pública

Vereador cobra regulamentação de lei que proíbe carroças no Recife

Romero Albuquerque (PP) também cobrou serviço de castração de animais de rua

Mariana Araújo
Mariana Araújo
Publicado em 10/04/2017 às 20:35
Foto: Divulgação
Romero Albuquerque (PP) também cobrou serviço de castração de animais de rua - Foto: Divulgação
Leitura:

A regulamentação da lei que proíbe o uso de veículos por tração anima na cidade do Recife foi cobrada nesta segunda-feira (10) pelo vereador Romero Albuquerque (PP). Segundo o vereador, a lei foi aprovada em caráter de urgência há três anos, mas até agora não foi regulamentada. No debate, os vereadores presentes à sessão também cobraram o funcionamento do Hospital Veterinário, que está sendo construído pela Prefeitura do Recife, além da instalação e ampliação de outras políticas públicas, como a castração de animais de rua.

O vereador afirmou que, em uma audiência pública realizada em março, chegou-se a um consenso entre carroceiros e entidades defensoras de animais para que a lei fosse implementada gradativamente, por Região Política-Administrativa (RPA) da cidade. Os carroceiros seriam capacitados e continuariam trabalhando com a reciclagem de resíduos sólidos sem usar mais animais. As carroças passariam ser triciclos doados através de parcerias com empresas privadas.

Romero, que é da base aliada do prefeito Geraldo Julio (PSB), pediu, ainda, que a líder do governo, Aline Mariano (PMDB), intercedesse junto ao gestor para que a regulamentação ocorra o mais breve possível. "Ninguém aguenta mais ver cavalo sendo chicoteado, ver animal ser mal-tratado no meio da rua. É por isso que eu peço a urgência nessa regulamentação", disse Romero.

Sobre o serviço de castração de animais, Romero alertou que na cidade vizinha de Jaboatão dos Guararapes, há um serviço público. “Vim cobrar que seja cobrada esse serviço de castração através do ‘castramóvel’”, acrescentou.
Integrante da bancada de oposição, Rinaldo Junior (PRB), cobrou a conclusão do Hospital Veterinário. “O Hospital Veterinário não existe, é uma farsa de campanha. É só um prédio de pedra e cal, que completa dois anos de atraso dessa obra”, disse.

PRAZO

A líder do governo, Aline Mariano (PMDB), informou que o Hospital Veterinário ficará pronto até o final do ano. “Há obras que não terminaram, mas estão em andamento e vai ser concluído. É o único Prefeito que adotou a bandeira animal. O hospital tem investimento de R$ 3,7 milhões, são 25 médicos, 1,3 mil metros de área construída. Já foram feitas mais de 12 mil castrações nas RPAs de forma descentralizada”, disse.

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias