Polêmica

Processo licitatório do São João 2017 de Caruaru volta a ser suspenso

Mesmo com novo entrave na montagem da festa, Prefeitura de Caruaru garante realização dos festejos

JC Online
JC Online
Publicado em 09/05/2017 às 18:51
Foto: divulgação/São João 2016
Mesmo com novo entrave na montagem da festa, Prefeitura de Caruaru garante realização dos festejos - FOTO: Foto: divulgação/São João 2016
Leitura:

A realização do São João 2017 de Caruaru, no Agreste pernambucano, passa por um nova reviravolta. Previsto para ser divulgado nesta terça-feira (9), o resultado do processo licitatório para montagem da estrutura de uma das mais tradicionais festas do País está temporariamente suspenso. Uma decisão divulgada pela Comissão Permanente de Licitação da cidade revela que o Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco determinou a suspensão do processo licitatório e a republicação do edital. Esta é a segunda vez que a licitação é suspensa este mês.

Com essa liminar, a construção da estrutura ainda não pode ser iniciada faltando apenas 20 dias para a abertura oficial da festa junina. Por meio de nota, a Prefeitura de Caruaru "informa que está avaliando a decisão do TCE e garante que o calendário da festa está mantido". Se tudo der certo, o São João da cidade será de 3 a 29 de junho, como já anunciado.

Foto: reprodução do documento oficial da Comissão Permanente de Licitação de Caruaru 

Entenda o caso 

No domingo, (7) uma outra liminar já havia travado o processo licitatório após empresas questionarem o resultado do processo e pedirem a suspensão dos trâmites. As empresas reclamavam do curto tempo para se adequar às exigências previstas no edital. Já nessa segunda-feira, a gestão municipal informou que conseguiu recorrer e através de decisão do Tribunal de Justiça reverteu a situação.

Na ocasião, a Prefeitura divulgou a seguinte nota: "A Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru esclarece que o processo licitatório para a escolha da empresa responsável pela estrutura do São João 2017 está prosseguindo normalmente, conforme padrões executivos do certame. Na última quinta-feira (4), o presidente do Tribunal de Justiça cassou a liminar que suspendia o processo."

De acordo com o presidente da Fundação de Cultura e Turismo, Lúcio Omena, a festa terá a parte da tradição e outra de entretenimento. A prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB), promete um São João descentralizado. Ainda de acordo com a Fundação de Cultura e Turismo, o lançamento oficial da festa será na próxima segunda-feira (15), a partir das 19h, em Pau Santo, zona rural de Caruaru. No ano passado a a tradicional festa movimentou mais de R$ 300 milhões na região. O São João da cidade deve gerar mais de sete mil empregos diretos e indiretos esse ano.

Últimas notícias