TECNOLOGIA

Carro autônomo da Volvo Cars conhece as ruas brasileiras

A condução em modo autônomo abre espaço para que o motorista decida como melhor utilizar seu tempo ao volante

Da editoria Veículos
Da editoria Veículos
Publicado em 06/01/2015 às 14:13
Divulgação
A condução em modo autônomo abre espaço para que o motorista decida como melhor utilizar seu tempo ao volante - FOTO: Divulgação
Leitura:

A Volvo Cars realizou demonstrações, pela primeira vez no Brasil, do veículo de teste do projeto Drive Me, que tem como objetivo tornar a marca líder em condução autônoma, como pioneira na produção de veículos com essa tecnologia. O modelo é parte de um grande programa que prevê 100 veículos autônomos rodando com consumidores em Gotemburgo, na Suécia, em 2017.

"Com o carro autônomo o motorista terá a liberdade de decidir se quer dirigir ou fazer outra coisa neste tempo atrás do volante, como acessar a internet ou responder mensagens no celular, com toda a segurança possível", explica Jorge Mussi, Diretor de assuntos governamentais e serviços ao cliente da Volvo Cars do Brasil, que conduziu o carro nas demonstrações no País.

O veículo de condução autônoma traz claras vantagens para o condutor e para a sociedade. A Volvo Cars quer contribuir com a mobilidade urbana das cidades através da redução de acidentes e melhoria do fluxo de trânsito, reduzindo os congestionamentos. O veículo de condução autônoma é também um grande aliado do meio ambiente, pois consome menos combustível e emite menos poluentes, melhorando a qualidade do ar.

"O carro apresentado no Brasil está apto a andar seguindo as faixas, adaptando-se à velocidade do trânsito e interagindo com os outros veículos por conta própria. Trazer esse carro para o País é a possibilidade de mostrar uma das várias tecnologias futuras da Volvo Cars que já estão se tornando realidade", completa Jorge.

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias