ECONÔMICOS

Conheça os 10 carros mais econômicos do Brasil

Modelos populares, SUVs e híbridos estão entre os campeões de economia segundo o Inmetro

Editoria de Veículos
Editoria de Veículos
Publicado em 30/07/2017 às 8:27
Divulgação
FOTO: Divulgação
Leitura:

Com o argumento de tentar melhorar a arrecadação de impostos, o governo federal aumentou a tributação sobre a gasolina, diesel e etanol e o valor do combustível subiu de preço consideravelmente em todo o País. Em alguma regiões, o acréscimo chegou até R$ 1 no litro da gasolina. A reclamação foi geral, mas o motorista pouco pode fazer. Para compensar o gasto extra, os donos de carros estão recorrendo a várias manobras como procurar um posto onde o combustível seja mais barato ou até usar menos o automóvel. Como esse aumento parece que veio para ficar, quem tiver pensando em trocar seu carango a alternativa pode ser buscar um modelo mais econômico.

ECONÔMICOS

A reportagem do Jornal do Commercio listou nesta edição os automóveis mais econômicos vendidos no Brasil. Entre eles estão três híbridos, que utilizam um motor a gasolina e outro elétrico (saiba mais sobre a tecnologia na matéria abaixo). Entre os carros flex e mais comuns, o campeão em economia de combustível é o Peugeot 208 1.2, seguido do Citroën C3, que utiliza a mesma motorização. A relação de quem bebe pouco traz ainda Fiat Mobi, Volvo XC90 híbrido, Chevrolet Prisma e Ford Ka.

A medição dos mais eficientes é feita desde 2008 pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), que avalia os carros vendidos no Brasil em relação à eficiência energética. O trabalho do órgão pode ser visto nas etiquetas que os autos trazem fixada no para-brisas e que mostram a média de consumo na estrada e na cidade feita com gasolina ou etanol, como são aquelas etiquetas de geladeiras. Veja na galeria de fotos os 10 carros mais econômicos do Brasil atualmente, segundo o Inmetro.

Divulgação
1 - Toyota Prius (híbrido). Mandou bem. Consumo gasolina: 17,0 km/l (estrada)18,9 km/l (cidade) - Divulgação
Divulgação
2 - Peugeot 208 1.2. Compacto bebe pouco. Gasolina: 16,9 km/l (estrada); 15,1 km/l (cidade) - Divulgação
Divulgação
3 - Ford Fusion Hybrid (híbrido). Consumo gasolina: 15,1 km/l (estrada); 16,8 km/l (cidade) - Divulgação
Divulgação
4 - Citroën C3 1.2 flex Consumo gasolina: 16,6 km/l (estrada)14,8 km/l (cidade) - Divulgação
Divulgação
5 - Volkswagen up! 1.0 turbo flexConsumo gasolina: 16,1 km/l (estrada); 13,8 km/l (cidade) - Divulgação
Divulgação
6 - Fiat Mobi 1.0 flexConsumo gasolina: 16,1 km/l (estrada); 13,7 km/l (cidade) - Divulgação
Divulgação
7 - Volvo XC90 Híbrido. Luxo não prejudicou consumo gasolina: 15,8 km/l (estrada); 15.3 km/l (cidade - Divulgação
Divulgação
8 - Chevrolet Prisma 1.0 flexConsumo gasolina: 15,8 km/l (estrada)13,1 km/l (cidade) - Divulgação
Divulgação
9 - Evoque 2.0 diesel. Valor de revisão é alto, mas bebe pouco: 15,8 km (estrada); 11,9 km (cidade) - Divulgação
Divulgação
10 - Ford Ka 1.0Consumo gasolina: 15,7 km/l (estrada); 13,5 km/l (cidade) - Divulgação

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias