Está com os dias contados

Publicado em 15/10/2014 às 9:32
Leitura:
Com o fim do segundo turno, o PSB estadual instaura processo para expulsar a vereadora Marília Arraes. Depois, vão tentar pedir o mandato na Justiça. Eles irão alegar que a prima de Eduardo Campos feriu o princípio da fidelidade partidária ao fazer campanha para Armando (PTB) e Dilma (PT). O PSB colecionou farto material para punir a dissidente.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias