Estado gastará 30% menos com São João, diz secretário de Turismo

Giovanni Sandes
Giovanni Sandes
Publicado em 28/05/2016 às 7:22
São João de Pernambuco. Foto: Renand Zovka
São João de Pernambuco. Foto: Renand Zovka
Leitura:
[caption id="attachment_15802" align="aligncenter" width="748"]"São São João de Pernambuco. Foto: Renand Zovka/ Fotos Públicas[/caption] Em meio ao agravamento da crise econômica,  o governo pernambucano vai enxugar pelo segundo ano consecutivo os gastos com o São João. De acordo com o secretário de Turismo, Felipe Carreras (PSB), o corte será da ordem de 30%, esperando apenas definição final do governador Paulo Câmara (PSB). O enxugamento ocorreu também no Carnaval 2016.Em 2015, o gasto direto do governo estadual com o São João ficou em R$ 8 milhões. No ano anterior, 2014, foram R$ 12 milhões.O secretário enfatiza que o governo preservará a festa dos polos tradicionais do São João, Caruaru e Arcoverde. FORROZEIROSO governo vai readequar os gastos e redimensionar a festa para a sua capacidade de pagamentos.Após as festas juninas, por exemplo, artistas expuseram atrasos no pagamento dos cachês. Um dos artistas, Deivinho Sanfoneiro, até divulgou pelas redes sociais uma cobrança inusitada: uma música endereçada ao governador, com os versos abaixo:Governador, ajuda a gente/ Pois é o forró que deixa o povo contente/ Mas desse jeito já não dá/ Olhe, governador, tenho contas pra pagar. Ao final, o apelo é direto: Governador, eu sei que o senhor é um homem de bem. Então ajude o artista pernambucano.Clique nos links abaixo e relembre. ATRAVÉS DE MÚSICA, FORROZEIRO COBRA CACHÊ A GOVERNADOR E PREFEITOSCÂMARA DO RECIFE TEM AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE ATRASO DE CACHÊS DO CARNAVAL E SÃO JOÃO

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Últimas notícias