Sine die

Alepe desiste de SUVs de luxo

Faltou senso de oportunidade e atenção a um princípio que deveria estar assim na Constituição: o dinheiro do contribuinte não nasce em árvore.

Igor Maciel
Igor Maciel
Publicado em 04/03/2020 às 15:34
Análise
Foto: Rinaldo Marques/Alepe
Deputados desistiram dos carros de luxo após repercussão negativa - Foto: Rinaldo Marques/Alepe
Leitura:

Depois da polêmica, a Assembleia Legislativa de Pernambuco resolveu adiar a licitação que visava contratar empresa para fornecer SUVs de luxo aos deputados. Ontem, publicamente, a deputada Clarissa Tércio (PSC) avisou que não queria saber de carro e que não pegassem o veículo pra ela.

Mas, não foi a única. Desde que a informação foi divulgada pelo Blog de Jamildo no domingo e repercutida aqui e aqui, houve discussões internas e reclamações entre parlamentares que diziam estar sendo expostos por causa de algo que eles não teriam pedido. Há relatos de que alguns alguns deputados chegaram a questionar qual seria o objetivo de uma licitação assim, nesse momento. E que pode ter a ver com a eleição da mesa diretora no fim do ano.

Pegou mal

"Pelo jeito, quiseram agradar os colegas de olho na eleição da mesa e deu errado", afirmou um deputado, em reserva. O adiamento sine die (por tempo indeterminado), mostra que a repercussão interna foi mesmo muito grande. Ao todo, a Alepe pretendia gastar cerca de R$ 6 milhões com aluguel de veículos, num momento em que um dos grandes gargalos de Pernambuco é a mobilidade, num Estado com estradas ruins e transporte precário.

Querer comprar SUVs de luxo num momento como esse é quase como o sujeito que resolve fazer piada em enterro, pra descontrair. Faltou, no mínimo, senso de oportunidade. Sem falar na atenção basilar necessária a um princípio que não está exposto com essas palavras na Constituição, mas deveria: o dinheiro do contribuinte não nasce em árvore.

Comentários

Newsletters

Ver todas

Fique por dentro de tudo que acontece. Assine grátis as nossas Newsletters.

Newsletters

Fique por dentro de tudo que acontece, assine já as nossas Newsletters.

Últimas notícias