Paulo presidente?

Em entrevista, Rodrigo Maia volta a citar Paulo Câmara como "presidenciável" para 2022

O presidente da Câmara já tinha citado o governador de Pernambuco em outros momentos. Agora, em meio à campanha de sucessão no Congresso, voltou a mencionar a possibilidade.

Igor Maciel
Igor Maciel
Publicado em 29/12/2020 às 20:39
Análise
Foto: Heudes Régis/ SEI
Presidente da Câmara dos Deputados em visita a Paulo Câmara (PSB) - FOTO: Foto: Heudes Régis/ SEI
Leitura:

Em entrevista à Folha de São Paulo, publicada nesta terça-feira (29), o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM) voltou a citar Paulo Câmara (PSB) entre possíveis candidatos a Presidente da República para 2022.

Não foi a primeira vez. Ele fez o mesmo há algumas semanas e surpreendeu a todos.

Agora, a pergunta era quem seria o candidato  de preferência do centro para a presidência em 2022, se seria Luciano Huck ou João Dória (PSDB). Maia ampliou a resposta:

“Acho que [Huck e Doria] são dois ótimos nomes. Tem o próprio ACM Neto, que é um ótimo nome. Tem o Ciro Gomes [PDT], que é um ótimo nome, o Paulo Câmara [PSB] está terminando o governo [de Pernambuco], quem sabe ele também queira participar. Então acho que a gente tem que dialogar”, disse o deputado.

Vale lembrar que todos os partidos citados estão na base da candidatura que Maia defende para a presidência da Câmara, cuja eleição será em fevereiro.

Agradar um representante de cada partido, nesse momento, é interessante para Maia.

E afaga o ego, ou cria um problema para os citados.

Depende da perspectiva... e da expectativa.

O certo é que Maia enxerga no governador de Pernambuco um ator importante e decisivo dentro do PSB nacional.

Algo que os próprios pernambucanos, com suas razões, talvez não concordem... ou não entendam.

Comentários

Últimas notícias