Cena Política

Dos que vão receber Auxílio Emergencial no Brasil, 90% acham o valor muito baixo, diz pesquisa

Na rodada anterior do auxílio, quando o valor era R$ 600,00, o presidente experimentou uma forte melhora em seus índices de popularidades, principalmente no Nordeste. Agora, com um valor médio de R$ 250,00 e a maioria dos beneficiários recebendo R$ 150,00, deve ficar mais difícil.

Igor Maciel
Igor Maciel
Publicado em 03/04/2021 às 6:00
Análise
AFP
Presidente Jair Bolsonaro - FOTO: AFP
Leitura:

O valor do novo Auxílio Emergencial que começará a ser pago este mês pelo governo Federal não está agradando. Dos que vão receber o dinheiro, 90% dizem que o valor é muito baixo e não atende às necessidades.

A pesquisa foi feita pelo portal Poder360, por telefone, com 3,5 mil pessoas em todo o país.

As implicações políticas para Jair Bolsonaro (em partido) também foram medidas. 

Na rodada anterior do auxílio, quando o valor era R$ 600,00, o presidente experimentou uma forte melhora em seus índices de popularidades, principalmente no Nordeste. Agora, com um valor médio de R$ 250,00 e a maioria dos beneficiários recebendo R$ 150,00, deve ficar mais difícil.

A pesquisa apontou ainda que, entre os que têm apenas o ensino fundamental, maior parte dos beneficiários, a insatisfação com o valor é de 84%.

Essa faixa da população é importante no cálculo, não apenas por ser a que mais recebe, mas também é a que ainda dá alguma sustenção popular ao governo.

Em pesquisa feita no fim de março, apesar da rejeição recorde de Bolsonaro, o que ainda sustenta sua avaliação positiva é o grupo de brasileiros que têm até o ensino Fundamental.

Comentários

Últimas da Coluna

Últimas notícias