Jovens do IJCPM comemoram aprovações no Sisu

Margarida Azevedo
Margarida Azevedo
Publicado em 29/01/2019 às 12:00
Jovens que fizeram pré-universitário do IJCPM comemoraram o ingresso no ensino superior público por meio do Sisu. Foto: Divulgação
FOTO: Jovens que fizeram pré-universitário do IJCPM comemoraram o ingresso no ensino superior público por meio do Sisu. Foto: Divulgação
Leitura:
[caption id="attachment_6439" align="aligncenter" width="748"]"" Jovens que fizeram pré-universitário do IJCPM comemoraram o ingresso no ensino superior público por meio do Sisu. Foto: Divulgação[/caption] Ismaela Silva - Especial para o Blog do FeraDia de comemoração, segunda-feira, no Instituto JCPM de Compromisso Social do Recife. Quinze jovens, num universo de 64 que fizeram o curso pré-universitário oferecido pela instituição, foram aprovados no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Significa que a taxa de aprovação foi de 24%. E a perspectiva é que esse índice aumente."Este é o primeiro momento de acesso à universidade. Há possibilidade de acréscimo nestes números, pois tem ainda o Prouni, através do qual outros jovens podem ter acesso às faculdades privadas por meio de bolsas", destaca o coordenador de projetos sociais do IJCPM, Carlos Duarte.Hana Gabriele, 19 anos, foi aprovada em primeiro lugar no curso de fisioterapia da UFPE, com média 728,25, em uma das cotas. "Eu me surpreendi porque não esperava que fosse passar em primeiro lugar em curso nenhum. Todas as minhas expectativas foram superadas. Espero muito que eu curta o curso. Estou ansiosa para cursar disciplinas como anatomia e fisiologia", diz Hana.Outros destaques entre os aprovados foram Everson Ribeiro, 24 anos, classificado em segundo lugar no curso de física; Vinicius Cardoso, 17, segundo colocado em engenharia biomédica; e Ana Vitória Oliveira, 17, também no segundo lugar em pedagogia, todos na UFPE e pelo sistema de cotas.As aprovações dos outros ex-alunos do pré-universitário foram nas graduações de enfermagem, educação física, psicologia, ciência da computação, estatística e radiologia. Além da UFPE, eles conquistaram vagas na UPE, UFRPE e IFPE.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias