COLUNA ENEM E EDUCAÇÃO

Notas individuais do Enem 2022 sairão dia 11 de fevereiro

Exame acabou no último domingo, com provas de matemática e ciências da natureza

Agência Brasil Margarida Azevedo
Agência Brasil
Margarida Azevedo
Publicado em 29/11/2021 às 16:25
FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Movimentação em frente a UNIBRA para prova do ENEM - FOTO: FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Leitura:

As notas individuais do Enem 2021 serão liberadas pelo Inep no dia 11 de fevereiro. Já os candidatos treineiros, ou seja, aqueles que fazem a prova apenas para treinar, receberão o resultado 60 dias depois. O anúncio foi feito agora à tarde pelo presidente do Inep, Danilo Dupas. 

No último domingo (28), candidatos de todo o País fizeram provas de matemática e ciências da natureza. Na semana anterior houve testes de redação, linguagens e ciências humanas. Já os gabaritos oficiais serão liberados pelo Inep na próxima quarta-feira (dia 1º), assim como os cadernos de provas.

Dos 3.109.802 inscritos (impresso e digital), compareceram, no segundo dia do exame, 2.179.559 estudantes, o que representa um índice de 70,1%. Faltaram 930.243 candidatos, uma abstenção de 29,9%.

Com a nota do Enem, os participantes podem concorrer a milhares de vagas em mais de cem universidades públicas no Brasil, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). 

De Pernambuco, participam do sistema as cinco universidades públicas e os dois institutos federais: UFPE, UFRPE, UFAPE, Univasf, UPE, IFPE e IF do Sertão.

A nota do Enem também permite se inscrever no Programa Universidade para Todos (Prouni), que oferece bolsas em faculdades privadas para egressos de escolas públicas. É possível ainda participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

REAPLICAÇÃO

Dupas também confirmou que está aberto o prazo para que os estudantes que não compareceram aos locais de prova por problemas logísticos ou por doenças infectocontagiosas, como a covid-19, peçam a reaplicação do Enem 2021, por meio da página do participante no site do Inep.

Durante a coletiva, o delegado da Polícia Federal, Cléo Mazzotti, informou que foram cumpridos 31 mandados de prisão nos locais de prova. O alvo foram pessoas acusadas de tráfico de drogas, cárcere privado e estupro de vulnerável, entre outros crimes.

Duas pessoas foram presas pela tentativa de uso de ponto eletrônico em dois locais de prova (uma em Minas Gerais e outra no Espírito Santo).

Na avaliação do ministro da Educação, Milton Ribeiro, a sociedade e a educação brasileiras saíram ganhando com a realização do Enem. “Saiu ganhando porque, como era o previsto, e nós havíamos dito, a questão do Enem haveria de ter toda seriedade, toda transparência e toda a competência, que é própria dos servidores do MEC, dos Correios e da Policia Federal”, afirmou. 

Comentários

Últimas notícias