TERCEIRA VIA

Apenas 27% do eleitorado diz que pode mudar de voto e pressiona 'terceira via'

A pesquisa eleitoral da FSB/BTG Pactual (confira aqui), divulgada nesta segunda-feira (25), não trouxe boas notícias para os candidatos da chamada 'terceira via'

Augusto Tenório
Cadastrado por
Augusto Tenório
Publicado em 25/04/2022 às 11:28
RICARDO STUCKERT/INSTITUTO LULA E CAROLINA ANTUNES/PR
O ex-presidente Lula e o presidente Bolsonaro - FOTO: RICARDO STUCKERT/INSTITUTO LULA E CAROLINA ANTUNES/PR
Leitura:

A pesquisa eleitoral da FSB/BTG Pactual (confira aqui), divulgada nesta segunda-feira (25), não trouxe boas notícias para os candidatos da chamada 'terceira via'. Além de mostrar crescimento de Jair Bolsonaro (PL), o levantamento mostra que sete em cada dez eleitores não enxerga a possibilidade de mudar seu voto.

De acordo com a pesquisa, 71% dos eleitores afirmam que sua decisão "já está tomada e não vai mais mudar". Enquanto isso, apenas 27% do público enxerga a possibilidade de mudar de opinião e escolher um candidato diferente do escolhido neste mês.

Para quem quiser 'roubar' votos de Lula (PT) e Jair Bolsonaro, a situação é ainda mais complicada. 82% dos eleitores de ambos os candidatos afirmam que a decisão está cristalizada e não vai mudar. No caso do petista, 17% indica a possibilidade de mudança, enquanto entre os eleitores do presidente esse número é de 18%.

De acordo com a pesquisa, 8% dos eleitores pretendem votar em branco ou anular o voto no primeiro turno da eleição presidencial. Desse grupo, 35% admite a possibilidade de mudar de opinião e escolher um candidato, enquanto 30% está decidido a não votar em candidato algum.

Enquanto isso, quem menos tem eleitores consolidados é Simone Tebet (MDB). Apenas 9% do seu eleitorado não admite possibilidade de mudar o voto, enquanto 91% aceita a ideia de mudar de opinião e escolher outro candidato.

Confira como os eleitores de cada candidato se comportam com relação à possibilidade de mudar o voto (decisão já está tomada e não vai mais mudar/pode mudar):

  • Lula (PT): 82% / 17%
  • Jair Bolsonaro (PL): 82% / 18%
  • André Janones: 59% / 36%
  • Nenhum: 57% / 42%
  • Ciro Gomes (PDT): 39% / 59%
  • Branco/Nulo: 30% / 35%
  • João Doria (PSDB): 26% / 74%
  • Vela Lúcia (PSTU): 13% / 87%
  • Simone Tebet (MDB): 9% / 91%

Mais informações sobre a pesquisa eleitoral FSB/BTG Pactual para a presidência da República

A pesquisa eleitoral do BTG Pactual foi realizada pelo Instituto FSB Pesquisa. O grupo entrevistou 2.000 eleitores por telefone (via CATI), entre os dias 22 a 24 de abril de 2022. A margem de erro é de 2 pontos
percentuais, com intervalo de confiança de 95%.

Comentários

Últimas notícias