Formação de chapas

PT Nacional formaliza indicação de Teresa Leitão para o Senado

PSB queria o nome de Teresa Leitão desde o começo do processo de escolha para o Senado

JAMILDO MELO
Cadastrado por
JAMILDO MELO
Publicado em 03/05/2022 às 15:23 | Atualizado em 03/05/2022 às 15:42
ROBERTO SOARES/ALEPE
CERTEZA Frente Popular diz que presença feminina é indispensável - FOTO: ROBERTO SOARES/ALEPE
Leitura:

No mesmo dia em que o PT entra de fato no governo Paulo Câmara, com ao menos duas secretarias, o PT Nacional formalizou a indicação da deputada Teresa Leitão ao PSB em Pernambuco, nesta terça-feira. O desenlace da novela ocorre no mesmo dia em que, rifado, o deputado André de Paula avisou que vai sair candidato ao Senado, com ou sem a Frente Popular. Havia negociações entabuladas com a oposição, que devem ser retomadas e ampliadas.

O documento do GTE era esperado desde esta segunda, mas foi segurado para dar ouvidos ao que o deputado André de Paula diria nesta manha de terça, sobre a aliança.

"Após avaliação do cenário e levando em conta a importância da aliança com o PSB no Estado, o PT, por meio do GTE, reivindica, ao PSB, a indicação do nome da deputada Tereza Leitão (PT) para disputar o Senado nas eleições deste ano".

"A decisão leva em conta a necessidade de consolidação da aliança e as chances de vitória no Estado e a desistência do deputado Carlos Veras (PT) de concorrer ao cargo, quem agradecemos pela participação no processo, afirmam José Guimarães, coordenador do GTE, e Gleisi Hoffmann, presidenta do PT.

GTE é a sigla interna do partido para Grupo de Trabalho Eleitoral, que promeve reunião e analisou a conjuntura eleitoral de diversos estados.

 

Comentários

Últimas notícias