CÂMARA DOS DEPUTADOS

Eduardo da Fonte quer barrar, na Câmara, aumento no valor dos planos de saúde

Foi protocolado nesta semana, na Câmara dos Deputados, um Projeto de Decreto Legislativo visando parar a autorização do reajuste dos planos de saúde no Brasil

Augusto Tenório
Cadastrado por
Augusto Tenório
Publicado em 02/06/2022 às 15:32 | Atualizado em 02/06/2022 às 15:33
PABLO VALADARES/CÂMARA DOS DEPUTADOS
O deputado federal Eduardo da Fonte, presidente do PP em Pernambuco - FOTO: PABLO VALADARES/CÂMARA DOS DEPUTADOS
Leitura:

Foi protocolado nesta semana, na Câmara dos Deputados, um Projeto de Decreto Legislativo visando parar a autorização do reajuste dos planos de saúde no Brasil. O PDL é de autoria do deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE).

A autorização do reajuste foi concedida pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Ela permite aumento de até 15,5%  no valor dos planos de saúde. O parlamentar pernambucano, presidente do PP-PE, classifica o reajuste como abusivo.

"Mais uma vez vemos uma agência reguladora que parece ignorar a realidade dos brasileiros e toma uma decisão que beneficia unicamente o setor que deveria ser fiscalizado. Não bastassem todos os aumentos decorrentes da inflação, bem como dos efeitos da pandemia, o consumidor brasileiro ainda terá de suportar mais este aumento. Nós estamos trabalhando para barrar este abuso", afirmou Eduardo da Fonte.

O aumento aprovado pela ANS é válido para o período entre maio deste ano e abril de 2023 para os contratos de cerca de 8 milhões de clientes, o que representa 16,3% dos consumidores de planos de assistência médica no Brasil.

Comentários

Últimas notícias