FUTEBOL

'Dog whistle'? Bolsonaro é fotografado com camisa de time ligado ao fascismo

Mário Frias (PL) publicou uma foto na qual aparece ao lado Bolsonaro (PL), assistindo uma partida de futebol, mas detalhe chamou atenção

Augusto Tenório
Cadastrado por
Augusto Tenório
Publicado em 20/06/2022 às 14:49 | Atualizado em 20/06/2022 às 15:04
JIM WATSON / AFP
Presidente Jair Bolsonaro (PL) - FOTO: JIM WATSON / AFP
Leitura:

Ex-secretário de Cultura, Mário Frias (PL) publicou uma foto na qual aparece ao lado Bolsonaro (PL), assistindo uma partida de futebol brasileiro. O presidente aparece usando uma camisa da Lazio, time italiano cuja fama é ligada ao fascismo.

O detalhe chamou atenção de usuários do Twitter, onde o registro foi publicado. Ao presidente, já foi atrelada a prática do dog whistle — apito de cachorro, em inglês. Trata-se de uma estratégia política para transmitir mensagens 'ocultas' a um grupo específico.

A Lazio tem a fama de ser um dos times de futebol 'mais fascistas' do mundo. Isso porque, não raramente, torcedores do clube entoam cantos de cunho racista e idolatram um jogador que celebrou gol fazendo um gesto eternizado por Benito Mussolini.

O ditador italiano, morto em 1945 pela resistência antifascista quando tentou fugir da Itália, era um dos torcedores mais 'ilustres' da Lazio. Somente em 1990 um jogador negro vestiu oficialmente a camisa do clube romano.

O termo 'apito de cachorro' faz referência ao instrumento que funciona emitindo sons numa frequência que pode ser ouvida por cães, mas não por humanos. Ele foi popularizado durante as campanhas de Donald Trump, nos Estados Unidos.

 

Comentários

Últimas notícias