OPERAÇÃO ACESSO PAGO

Aliada próxima a Bolsonaro sai em defesa de Milton Ribeiro, preso pela PF

O ex-ministro foi preso na Operação da Polícia Federal "Acesso Pago"

Natan Júnior
Cadastrado por
Natan Júnior
Publicado em 22/06/2022 às 17:03
LUIS FORTES/MEC
Milton Ribeiro é investigado por irregularidades na liberação de verbas do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) - FOTO: LUIS FORTES/MEC
Leitura:

Em entrevista ao colunista Guilherme Amado do Site Metrópoles, a ex-ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves saiu em defesa do ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro. Ela mostrou-se surpresa e triste com a prisão.

À coluna do Metrópoles ela disse “acreditar em sua inocência” e que Ribeiro “sempre se mostrou uma pessoa íntegra e correta”. Ainda disse que o ex-ministro é “uma pessoa amada e honrada''. Ela atribuiu os possíveis crimes aos seus assessores.

Marcello Casal JrAgência Brasil
Ex-ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves - Marcello Casal JrAgência Brasil

Ainda em suas declarações para o colunista, emitiu opinião diferente quando se tratou do pastor Arilton Moura, outro envolvido no esquema do ministério. "Não posso falar o mesmo do tal pastor lobista Arilton, que na minha opinião não tem nada de pastor", disse.

A ex-ministra Damares Alves deixou a pasta para ser pré-candidata ao Senado pelo Republicanos e passou a ter domicílio eleitoral no Distrito Federal em abril deste ano.

A prisão do ex-ministro Milton Ribeiro e dos pastores ocorreu na manhã desta quarta-feira (22/06) por suspeitas de desvios no Ministério da Educação e liberação de verbas do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Comentários

Últimas notícias