Pernambuco

Vídeo: no palco, cantora diz que foi expulsa por não mandar 'alô' para prefeito

No interior de Pernambuco, cantora Tayara Andreza alega que seu show foi interrompido e que sua equipe foi alvo de spray de pimenta

Augusto Tenório
Cadastrado por
Augusto Tenório
Publicado em 03/07/2022 às 11:58 | Atualizado em 03/07/2022 às 12:18
Instagram @tayaraandreza
A cantora Tayara Andreza - FOTO: Instagram @tayaraandreza
Leitura:

A cantora Tayara Andreza teve seu show interrompido, na noite desse sábado (2), em Tracunhaém, na Zona da Mata de Pernambuco. Ela é uma das estrelas do brega no estado e diz que foi expulsa do palco porque não mandou 'alô' para o prefeito da cidade, Irmão Aluizio (PL).

No palco, ela avisou ao público reunido para o festejo de São João que precisaria interromper a apresentação. "Teríamos muitas músicas pela frente. Mas o pessoal da Prefeitura pediu pra gente encerrar o show. (...) O prefeito e não sei lá quem ficou com raiva porque eu não estava mandando 'alô'", reclamou a cantora.

Ela diz que seu horário de apresentação não acabou. Após sair da cidade, ela diz que a apresentação sofreu com atraso de uma hora. Durante o show, ela reclama que a produção a interrompeu com o celular para avisar sobre o 'alô' para o prefeito.

"Não botaram um papel no palco para eu ler o nome do prefeito! As duas vezes que me deram [o celular] eu li, mas não tenho como adivinhar o nome dele, que não gostou de eu não ter chamado. (...) Todo show eu mando alô, não tenho problema com isso", disse Tayara, nos stories do seu Instagram.

Ela diz que fez questão de explicar ao público o ocorrido. Após deixar o palco, ela diz que perdeu acesso ao camarim e que a equipe da prefeitura jogou spray de pimenta nos músicos da banda.

A coluna tentou contato com a Prefeitura de Tracunhaém, mas até o momento não obteve sucesso. Até o momento, o prefeito Irmão Aluizio não se pronunciou nas redes sociais. O espaço segue aberto.

Comentários

Últimas notícias