Formação de palanques

Miguel Coelho realiza convenção neste domingo

União Brasil lança Miguel Coelho ao governo do Estado em convenção nesta tarde de domingo. Anderson e Marília também terão convenções hoje

Jamildo Melo
Cadastrado por
Jamildo Melo
Publicado em 31/07/2022 às 7:00
Divulgação
Miguel Coelho, pré-candidato do União Brasil ao Governo de Pernambuco - FOTO: Divulgação
Leitura:

Os pré-candidatos a governador Miguel Coelho e a vice Alessandra Vieira confirmam, neste domingo (31), às 14h, em convenção no Recife, o projeto da oposição para tentar encerrar uma hegemonia que dura 16 anos no estado. A dupla está em uma aliança formada por quatro partidos: União Brasil, Podemos, Patriota e PSC.

Luciano Bivar, do União Brasil, oficializa neste domingo (31) desistência de candidatura ao Palácio do Planalto e anuncia que vai tentar reeleição à Câmara. Decisão será comunicada durante a convenção do partido em Pernambuco.

O evento para oficializar a chapa com Miguel, Alessandra e o candidato ao Senado ocorre no Clube Internacional do Recife, na tarde deste domingo. Eles esperam milhares de militantes, aliados e lideranças políticas são esperadas para a convenção.

Durante a convenção deste domingo será também oficializado o nome da coligação. Miguel e Alessandra decidiram batizar a chapa com o nome “Pernambuco com força de novo”.

"O nome foi inspirado pelo passado grandioso do estado e com o desejo de motivar o eleitorado a ter esperança em dias melhores.

“O nosso projeto é de mudança, de transformação e de luta por um futuro melhor. A gente sabe muito bem que os pernambucanos estão cansados, tristes e até em alguns momentos sem perspectiva. Isso é um fruto ruim que foi plantado nesse governo nos últimos oito anos. Pernambuco ficou para trás. Mas nosso povo é forte, temos uma trajetória de grandes feitos, nossa história prova. Por isso, estamos deixando essa mensagem, temos que ter esperança, pois temos gente capaz de recuperar nosso protagonismo, de resgatar a nossa grandeza que inspira o Brasil há séculos. A partir do próximo ano, nosso povo pode ter certeza, é Pernambuco com força de novo”, afirma Miguel Coelho.

Comentários

Últimas notícias